Subjetividade e Locative Media

Depois de participar do Psico Info, onde falei sobre subjetividade e fotografia por celulares (coloco depois os detalhes da reflexo), amanh participo de uma mesa sobre “locative media” no evento MobileFest, no SESC SP. Quando der um tempinho eu coloco tambm a reflexo sobre o tema.

2 Replies to “Subjetividade e Locative Media”

  1. Gerenciador de Avaliaes: Uma Ferramenta de Auxlio Avaliao Formativa para o Ambiente de Educao a Distncia TelEduc
    Dissertao de Mestrado, Unicamp 2003
    Em Portugus, 129 pginas.
    Autor: Thasa Barbosa Ferreira
    Dissertao (pdf)
    Apresentao

    Resumo
    Nas prticas docentes de avaliao da aprendizagem dos alunos, a avaliao formativa tem sido proposta cada vez com mais freqncia nos ltimos anos, como uma das alternativas avaliao tradicional pautada em medidas e considerada autoritria. Segundo Perrenoud [1999], a avaliao formativa pode ser entendida como "uma prtica de avaliao contnua que tem como objetivo principal melhorar as aprendizagens em curso, contribuindo para o acompanhamento e orientao dos alunos durante todo seu processo de formao".

    Na modalidade de educao a distncia, a avaliao formativa tem grande relevncia, por favorecer o acompanhamento do comportamento do aprendiz mesmo sem o feedback das interaes face a face. Porm, a maioria dos ambientes de Educao a Distncia (EaD) atuais no foram desenvolvidos com design apropriado para o apoio avaliao formativa. Estes ambientes geralmente possibilitam apenas o registro das interaes que ocorrem ao longo do curso e no suficiente para prover um suporte efetivo avaliao formativa. Assim, esse processo de avaliao demanda muito trabalho e tempo do professor no acompanhamento, anlise e orientao das atividades desenvolvidas ao longo do curso, o que consiste num dos principais problemas da avaliao formativa, seja ela presencial ou a distncia.

    Nesta dissertao apresentado um sistema Gerenciador de Avaliaes para o ambiente de EaD TelEduc, que foi desenvolvido levando em considerao as aes dos formadores durante o processo de avaliao formativa, e que visa diminuir a sobrecarga dos formadores na realizao da avaliao formativa das atividades. A principal contribuio desta pesquisa est no (re)design das ferramentas de comunicao do TelEduc realizado a fim de apoiar formadores e aprendizes no processo de avaliao formativa. Os recursos propostos e implementados auxiliam o formador no planejamento de atividades, registro e organizao das informaes referentes ao acompanhamento de atividades de avaliao, bem como a recuperao, consolidao e anlise dessas informaes no momento em que desejar. Os registros das observaes e notas de acompanhamento favorecem o oferecimento de um feedback contnuo aos aprendizes, o que consiste em um elemento fundamental no processo de regulao das aprendizagens, na medida que faz com que os aprendizes tenham conscincia de suas dificuldades e possam corrigir sua aes.

  2. brOl Andr, assisti a sua palestra ontem na PUC, sou a Fabiana Maiorino, caminhamos juntos at a sala. primeiramente, queria agradec-lo pela fala interessante e esclarecedora, a psicologia necessita de falas como a sua, ainda estamos muito presos a moldes paradigmticos estticos e romnticos. Estou muito interessada no assunto que vc abordou, a questo das subjetividades e comunicao WI FI, como a dos celulares. Estou lendo e gostaria muito de ler algo seu sobre isso, se tiver artigos digitais e puder me ajudar, vou entrar em contato. Mas por eqto queria mesmo sublinhar o quanto sua fala nos agradou.

Os comentários estão fechados.