Disciplinas

2017.1

Disciplina no Curso de GraduaçãoComunicação e Tecnologia (COM 104), terças e quintas de 8:50h as 10:40h. Visa estudar a relação entre a tecnologia e a comunicação, visando compreender o fenômeno técnico de forma global, ressaltando suas particularidades no âmbito da comunicação e da cultura contemporâneas. Os principais objetivos da disciplina são: 1. Abordar a questão da técnica na constituição e transformação das sociedades e da cultura; 2. Discutir as principais teorias no campo das ciências da comunicação em sua interface com a tecnologia; 3. Traçar um panorama geral dos aspectos comunicacionais, sociais e culturais das novas tecnologias de comunicação.

Disciplina no Curso de Graduação: Comunicação e Informática (COM 364), terças e quintas das 10:40h as 12:30h. Disciplina Optativa. Visa discutir temas atuais da cultura digital a partir da análise da série de TV “Black Mirror”. Ela  tem como tema central a relação das novas tecnologias de informação e comunicação com diversos aspectos da cultura contemporânea ( redes sociais, realidade aumentada, realidade virtual, clonagem, ciborgue, games, memória, relação social, política, entre outros). As discussões serão feitas a partir da visualização de todos os episódios das três temporadas da série (2011, 2013, 2014 – 1 episodio especial -, 2016, total de 13 episódios)

 

2016.2

Disciplina no Curso de Pós-Graduação da FACOM-UFBA, COM 544 – Temas em Cibercultura, quintas das 14 as 17:30h. A disciplina visa analisar os processos comunicacionais gerados pelas novas associações criadas por mediadores não-humanos em projetos atuais da cultura digital, mais particularmente a Internet das Coisas (IoT) e as Smart Cities (SC). Essas duas grandes áreas criam hoje alto impacto econômico e oferecem exemplos interessantes de um novo formato infocomunicacional de mediação de objetos reais e virtuais. Produz-se uma sociedade data-driven, dirigida pela produção, coleta e análise de grande volumes de dados (Big Data). Objetos transformam-se em smart things, coisas inteligentes com capacidade comunicacional e sensibilidade performativa. Sensores, algoritmos, bases de dados, redes telemáticas…, tudo isso cria um novo ambiente infocomunicacional no qual objetos sentem o contexto, sabem do seu status, processam informações, tomam decisões e as distribuem mediando outros objetos. Amplia-se consequentemente suas sensibilidades, performatividades, comunicabilidades e agências. Seja na cidade, na mineração dos dados nas redes sociais, ou no processamento industrial de produtos e serviços, o que estamos assistindo é uma expansão vertiginosa da governabilidade algorítmica. Dado esse quadro, o objetivo da disciplina é pensar uma teoria e indicar modelos do que aqui chamamos de “Comunicação das Coisas” (CdC). A CdC caracteriza-se pela mediação eletrônico-digital em redes sociotécnicas que leva em conta as coisas (objetos), suas performances e mediações. Os projetos de IoT e de SC oferecem um conjunto de experiências que podem nos ajudar a pensar essa CdC. A Teoria Ator-Rede (TAR), a Ontologia Orientada a Objetos (OOO), o estudo das materialidades da comunicação, a ecologia das mídias, dentre outras disciplinas atentas às agências dos “não-humanos”, farão parte do corpus teórico da disciplina.

Disciplina no Curso de GraduaçãoComunicação e Tecnologia (COM – 104), terças e quintas de 9 as 11h. Visa estudar a relação entre a tecnologia e a comunicação, visando compreender o fenômeno técnico de forma global, ressaltando suas particularidades no âmbito da comunicação e da cultura contemporâneas. Os principais objetivos da disciplina são: 1. Abordar a questão da técnica na constituição e transformação das sociedades e da cultura; 2. Discutir as principais teorias no campo das ciências da comunicação em sua interface com a tecnologia; 3. Traçar um panorama geral dos aspectos comunicacionais, sociais e culturais das novas tecnologias de comunicação.

2015.2 e 2016.1 – Em Estágio Sênior (CAPES)

2015.1

Disciplina no Curso de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, terças as 14 as 18h. COM543 – CIBERESPAÇO, COMUNICAÇÃO E CULTURA – TEMA – TEORIAS DA COMUNICAÇÃO, CIBERCULTURA E TEORIA ATOR-REDE. O objetivo da disciplina é repensar a própria Comunicação Social a partir de uma perspectiva simétrica e composicionista, o que significa abordar novas mediações socio-técnicas na composição dos fluxos comunicacionais entre actantes humanos e não humanos responsáveis por novas formas de produção de espaço, sentido e valor na cultura contemporânea. Estas transformações serão exploradas e abordadas criticamente no âmbito dos projetos atuais de SmartCities, Big Data e Internet das coisas, com a juda da Teoria Ator-Rede (TAR). Esta fundamentação teórica aspira a superar as perspectivas essencialistas ou estruturais permitindo a articulação dos fenômenos em um panorama coerente, de modo a mapear as associações e mediações mais produtivas na constituição de uma nova ecologia comunicacional, marcada pela simetria entre actantes humanos e não-humanos.

Disciplina no Curso de GraduaçãoComunicação e Tecnologia (COM – 104), terças e quintas de 9 as 11h. Visa estudar a relação entre a tecnologia e a comunicação, visando compreender o fenômeno técnico de forma global, ressaltando suas particularidades no âmbito da comunicação e da cultura contemporâneas. Os principais objetivos da disciplina são: 1. Abordar a questão da técnica na constituição e transformação das sociedades e da cultura; 2. Discutir as principais teorias no campo das ciências da comunicação em sua interface com a tecnologia; 3. Traçar um panorama geral dos aspectos comunicacionais, sociais e culturais das novas tecnologias de comunicação.

 

Leave a Reply