Cellphones and Montreal Riots

Cellphones and Montreal Riots

Ontem aps o jogo de hockey entre os Canadiens de Montreal e Boston, que classificou os Canadiens para a prxima fase da competio, houve ataques a carros de polcia e quebra-quebra de lojas no centro da cidade. Poucos mas ativos holligans colocaram fogo em carros da polcia e semearam violncia e baderna no centro. E olha que o time ganhou e no houve problemas entre torcidas…apenas violncia gratuita. Vejam matrias no Guardian e no Montreal Gazette para mais infos.


Vdeo com imagens da CBC

Em todas as imagens que vi (na TV, no YouTube em blogs e fotologs) h pessoas usando os celulares. Aqui os vndalos filmaram, pessoas comuns filmaram e todas essas imagens esto sendo usadas pela polcia (como informado por matrias que acabo de ver na TV) para prender outros manifestantes. Algumas pessoas presentes, incluindo a os comerciantes atingidos, enviaram filmes e fotos feitas com o celular para a polcia. Vemos a fora de circulao dessas novas imagens. At agora 16 pessoas foram presas, sendo dois menores.


Imagens de testemunhas

Aqui podemos destacar algumas caractersticas dos telefones celulares: portabilidade e mobilidade – o uso sempre colado ao corpo permite facil e rapidamente a gravao de vdeos e fotos, ou seja, possibilidade de produo de contedos e emisso de informao em mobilidade; testemunho local (para todos os envolvidos) e a importncia do lugar nesse testemunho (“onde estou e o que estou fazendo”); instrumento de comunicao (por circulao em rede das imagens, voz e SMS entre amigos e supostos interessados); como instrumento de um olhar vigilante panptico (usado por todos, holligans, passantes, policiais e comerciantes). Vejam post anterior sobre esse tema. Destaco em sntese as principais caractersticas: a portatibilidade, a mobilidade e a versatilidade do dispositivo (um DHMCM) criam assim testemunho em primeiro grau, reforo local, reforo comunitrio, imagem como instrumento de comunicao efmero e imediato, vigilncia. H vrios sites, blogs com imagens e vdeos e uma rpida busca na rede revela a amplitude do fenmeno.


H vrias fotos feitas com celular e colocado no Citynoise, um fotoblog coletivo.