Fiquei devendo, desde dezembro 2004 quando voltei da Europa, resenhas e citaes de obras literrias que estou lendo. Falei do Marc Lambron, com “Les menteurs”, de alguns livros de Enrique Vila Matas. Agora aponto rapidamente uma saga familiar tipicamente francesa, com todos os ingredientes de um bom romance.

A saga comea com a homologao da constituio da V Repblica francesa em 1958, com Charles de Gaulle, passando por Giscard D’Estaing, a abolio da pena de morte com o primeiro governo de Miterrand, chegando ao atual governo Chirac. Esse panorama poltico apenas um pano de fundo para a histria de uma famlia de Toulouse, narrada pelo pai, Paul Blick, personagem interessante, aptico, na sombra de um irmo morto chod da famlia, transformado em fotgrafo de rvores por acaso, casado com uma executiva liberal que acaba se espatifando em um aviao. Para os que conhecem um pouco a Frana, esse livro mostra um pouco do que uma vida francesa mesmo.

Esse o caso do bom livro de Jean-Paul Dubois, “Une vie franaise” (paris, ed. de l’Olivier, 2004, 357p.).