Mapa que no Mapa?

Mapa que no Mapa?

Interessante post do Palacios no O Blog do Dod sobre o suposto mapa mais antigo do mundo. Na realidade ele seria apenas um padro decorativo. Hoje com a web 2.0 e os mapas digitais, estamos vivendo um momento de produo “bottom-up” pu DIY de mapas sem precedentes. A histria aqui serve para ilustrar esse desenvolvimento. Vejam o post na ntegra no link acima.

Trecho:

“O mapa das ruas da cidade de atalhyk, na regio turca da Anatlia, foi desenhado em 6200 A.C. considerado uma das provas de que ‘os humanos sempre usaram mapas’. Encontrado como parte de pinturas em uma parede, nas escavaes de uma casa nas runas da cidade turca, considerado 2000 anos mais antigo do que o mais antigo sistema de escrita e 4000 mais antigo do que o mais antigo sistema alfabtico. O mapa chega perfeio de situar um vulco em erupo, ao norte das casas de atalhyk que supostamente representa. Supostamente?

Pois Como sempre surge algum para contrariar teses que parecem bem estabelecidas, a arqueloga Stephanie Meece, em seu artigo A Birds Eye View – Of A Leopards Spots: The atalhyk Map and the Development of Cartographic Representation in Prehistory (publicado no Anatolian Studies 56, 2006, pp. 1-16; texto integral aqui) coloca toda essa histria em dvida e sugere que o mapa de atalhyk algo muito mais simples e menos espetacular que o av de todos os mapas: seria apenas um padro decorativo, similar a outros que podem ser encontrados nas fachadas das casas da antiga cidade.

(…)”